Sensibilidade nos dentes: descubra como fazer para melhorar
Saúde Bucal

Sensibilidade nos dentes: descubra como fazer para melhorar

Algumas ações no nosso dia a dia têm a capacidade de desgastar a camada externa e causar sensibilidade nos dentes.Também chamada de hipersensibilidade dentinária, é percebida como uma dor intensa — parecida com um choque — quando ingerimos algo muito gelado, quente, doce ou ácido.

Essa dor ou incômodo pode ter diferentes causas como desgaste do esmalte pela escovação muito rigorosa ou com escovas de cerdas duras, retração da gengiva, erosão dos dentes por causa da ingestão de substâncias ácidas, vômito constante ou refluxo, bruxismo, genética e até pela fratura e fissura de elementos.

É um problema muito desagradável, mas existem alguns cuidados que você pode tomar diariamente para diminuir e evitar a hipersensibilidade dentinária. Veja, a seguir, práticas básicas que podem ajudar a amenizar a sensibilidade nos dentes!

Evite alimentos e bebidas ácidas

O ácido corrói a cobertura do dente, ou seja, a camada de esmalte. Dessa maneira, os canalículos dentinários ficam expostos e sentimos dor. Evitar que refrigerantes, energéticos, isotônicos e sucos mais ácidos entrem em contato direto com os dentes é muito importante.

Você não precisa deixar de ingerir essas bebidas, mas opte por tomar com canudo para que o líquido não toque diretamente os dentes. No caso de alimentos como saladas, por exemplo, o ideal seria temperá-las apenas com azeite e sal. Lembre-se de que não é necessário retirar todos os ácidos da sua alimentação, mas prestar atenção nos exageros.

Escove os dentes com cuidado

É indicado escovar os dentes 3 vezes por dia, o ato deve durar 2 minutos e o creme dental não deve ser muito abrasivo. A higienização dos dentes não precisa ser feita com força, os movimentos devem ser leves para que os dentes não sejam desgastados.

A escova deve ser posicionada a 45º em relação à gengiva e deve-se tomar muito cuidado para não machucar esse tecido mole. Se a margem gengival for ferida, é comum que ela se retraia e deixe a raiz dos dentes exposta. Se isso acontecer, a sensibilidade nos dentes é garantida!

Escolha uma escova de dentes macia

A escolha da escova tem grande influência na qualidade da escovação. Ela deve ter muitas cerdas, de preferência que tenham a mesma altura e que possuam as pontas arredondadas. E deve ser macia ou ultra macia, a fim de evitar a destruição do elemento dental.

Use creme dental especial

Caso sua sensibilidade seja acentuada, existem cremes específicos para dentes sensíveis. Formulados para proteger a entrada dos canais, tais produtos também acabam por fornecer uma proteção a mais contra a cárie.

É importante tomar cuidado com produtos clareadores, pois eles tendem a ter mais abrasivos a fim de retirar as camadas do dente que estão manchadas, e isso pode implicar em maior sensibilidade.

Invista em gomas de mascar sem açúcar

As gomas de mascar sem açúcar incentivam a salivação. A nossa saliva é muito importante e, entre suas funções, exerce a remineralização do esmalte, ou seja, ela neutraliza a acidez e recupera o tecido que estava em corrosão. Por isso, a goma de mascar sem açúcar pode ser uma aliada contra essa condição.

Visite seu dentista regularmente

O dentista é um profissional que entende do assunto e pode fazer um diagnóstico adequado para a sua dor. A sensibilidade pode ser causada por restaurações descoladas, dentes fissurados ou quebrados, bruxismo, entre outras causas. O profissional descobrirá qual o motivo da sua hipersensibilidade e deverá indicar o melhor tratamento para o seu problema.

É muito importante procurar um profissional para fazer a avaliação correta. Perceba que as dicas dadas podem amenizar a dor da sensibilidade nos dentes, mas são soluções paliativas. Você sabia que essa dor pode ser sinal de doença periodontal? Descubra mais no artigo Doença periodontal: conheça os sinais bucais que podem indicá-la.

 

 

Sobre o autor

Odontologia Íntegra

Deixar comentário.

Share This