Aprenda a prevenir e combater o bruxismo
Qualidade de vida

Aprenda a prevenir e combater o bruxismo

O bruxismo é um problema muito comum que pode se manifestar desde a infância até a idade madura. Ele se caracteriza pelo ranger de dentes ou o apertamento da mandíbula, seja durante o sono ou em estado de vigília (briquismo).

Suas consequências para a saúde bucal e orofacial podem ser sérias, porque o bruxismo é um dos causadores de DTM (Disfunção Temporomandibular). Ele também compromete a estrutura dos dentes e tecidos de suporte, podendo causar diversas complicações.

Por isso, é muito importante saber como se prevenir do bruxismo e como combatê-lo para alcançar mais qualidade de vida. E é isso o que vamos mostrar nesse artigo. Acompanhe.

Recomendações para combater e prevenir o bruxismo

Sobre os casos de bruxismo ainda há algumas questões que despertam dúvidas, mesmo nos especialistas. Entre elas está a incerteza da real causa do problema. No entanto, há fortes indícios de que essa condição esteja relacionada principalmente com fatores emocionais.

Mas, seja qual for a sua causa, conviver com as dores e os incômodos desse quadro interfere significativamente na qualidade de vida. Por isso, existem algumas recomendações que ajudam a combater e prevenir o bruxismo, veja:

Melhora na qualidade de vida

É muito comum indivíduos em idade laboral apresentarem o bruxismo, por isso acredita-se em sua relação com o estresse. Evitando esse mal também há o alívio do problema. Então, é indicado:

  • evitar a sobrecarga de trabalho;

  • não sacrificar o sono;

  • praticar atividades prazerosas e exercícios físicos.

Técnicas de relaxamento antes de dormir

Para ter uma noite de sono tranquila é fundamental que a mente consiga relaxar. E para que o cérebro entenda que é hora de reduzir sua atividade, algumas técnicas de relaxamento podem atuar como gatilho mental para estimular o processo.

Tomar banho, ouvir músicas tranquilas, tomar um chá calmante, meditar, ler e alongar-se, são algumas práticas que podem ajudar.

Evite manter a televisão ligada até a hora de deitar-se ou ficar no computador ou celular: a luz desses aparelhos mantém a atividade cerebral e dificulta o sono.

Alimentação balanceada

Durante todo o dia devemos manter uma alimentação nutritiva. No entanto, a noite é ainda mais importante dar atenção ao que se come. Isso porque alimentos de digestão difícil e algumas substâncias podem interferir na qualidade do sono.

A noite prefira pratos leves, livres de gordura, açúcar e substâncias estimulantes. Evite o café, bebidas alcoólicas, guaraná, açaí e outros que forneçam energia ou estimulem o sistema nervoso.

Uso da placa protetora

A placa protetora é um dispositivo que fica encaixado nos dentes. Sua função é inibir o ranger, minimizar a pressão sobre eles e evitar danos ao esmalte dentário.

Ela é uma medida paliativa, que auxilia a minimizar os desconfortos do bruxismo, mas não o cura. Além disso, precisa ser feita sob medida para que não cause problemas à arcada dentária e aos demais ossos da face.

Então, é fundamental consultar um especialista para que ele possa indicar a melhor placa, porque há variações de espessura e material. Somente o dentista especializado em DTM é que poderá indicar esse e outros métodos realmente eficazes para combater e prevenir o bruxismo.

Para combater e prevenir o bruxismo o dentista é essencial

Qualquer pessoa que apresente dores de cabeça ou na face, dificuldade para mastigar ou abrir e fechar a boca, estalos e fricção na mandíbula, dentes quebrados ou gastos, deve procurar o dentista.

Esses são alguns sintomas do bruxismo, e precisam ser avaliados pelo dentista especializado para que não se agravem. O profissional estudará o caso para diagnosticar suas causas prováveis, vai corrigir problemas na dentição, se eles existirem, e indicar outros especialistas se for necessário outra intervenção, como de um otorrinolaringologista.

Por isso, para combater e prevenir o bruxismo é preciso do acompanhamento do dentista especializado em DTM para que ele possa sugerir o tratamento adequado e observar a evolução do quadro. Também é preciso mudanças de hábito e estilo de vida para evitar a situações que possam estimular essa condição.

Quanto mais aprendemos sobre um problema, mais facilmente conseguimos lidar com ele. Por isso também será muito útil para você descobrir exatamente o que é o bruxismo e outros detalhes sobre esse problema.

Sobre o autor

Odontologia Íntegra

Deixar comentário.

Share This